sexta-feira, 31 de julho de 2009

Pablo Neruda

Oi, voltei!
Passei um bom tempo sem postar poque estava lendo os livros de uma coleção teen, Primeiro amor, que não é lá essas coisas. São livros para adolescente mesmo, sabe? Coisa bem bobinha e clichê... Mas são super românticos, então quem gosta de um romance adolescente pode ir correndo ler!
Vou postar hoje um poema de Pablo Neruda que eu AMO. Lá vai!
Não te amo como se fosse rosa de sal, topázio
ou flecha de cravos que propagam o fogo:
te amo secretamente, entre a sombra e a alma.

Te amo como a planta que não floresce e leva
dentro de si, oculta, a luz daquelas flores,
e graças a teu amor vive escuro em meu corpo
o apertado aroma que ascender da terra.

Te amo sem saber como, nem quando, nem onde,
te amo directamente sem problemas nem orgulho:
assim te amo porque não sei amar de outra maneira,

Se não assim deste modo em que não sou nem és
tão perto que a tua mão sobre meu peito é minha
tão perto que se fecham teus olhos com meu sonho."

5 comentários:

Desi disse...

oiê :D
estão tu já leu o Carteiro e o Poeta?

bjos e bom final de semana!

Dário Shoüpaiwisky disse...

Oláaaa
O nomeo do modelo é Daniel Grah.
Ele é meu muso.
Bem new face...
auhauhauahuh
1 abraço

Dário Shoüpaiwisky disse...

Atualizado.
Of the Moda

May disse...

Já li um ou dois livros da coleção Primeiro Amor. Eu não curti nada :( adoro romance e pá, mas eu achei tão ruinzinho \:

Dário Shoüpaiwisky disse...

né..faça mesmo.
aquela cueca é linda
auhauhauhauhah
1abraço